O Primeiro Filho E Os Desafios Do Sexo


Adoção Homoparental Conforme O Novo Conceito De Família por que algumas mulheres se sujeitam a relacionamentos conjugais violentos. Como consta em UNICEF (2002), um ponto importante a ser considerado é a percepção da adolescência como uma realidade que não pode ser abordada de forma homogênea em todas as regiões e camadas sociais. Assim, deve-se levar em conta universo de diversidades e desigualdades do País, em seus aspectos sociais, culturais e naturais.
Muitas estatísticas mostram que a atividade sexual diminui com decorrer da idade, tanto em homens quanto em mulheres; e várias outras estatísticas mostram que homens idosos ainda permanecem sexualmente ativos, uns mais outros menos, mesmo após os 70-80 anos.
Pesquisas recentes confirmaram que mulheres com mais de 40 anos imediatamente sabiam, mas que a maioria das pessoas mais novas não conseguem acreditar: Mulheres acima dos 40 têm a melhor vida sexual. A maioria das mulheres acima dos 40 que foram entrevistadas confirmaram que elas sentem mais prazer hoje em dia e que nunca sexo foi tão bom.
A presente revisão evidenciou fatores como influência cultural, repressão na educação e ainda falta de informação, quando assunto é sexualidade. Mesmo com as modificações fisiológicas apresentadas pelos idosos é importante compreender que a vida sexual pode permanecer até fim da vida. Mas, paraque os idosos tenham essa consciência é importante a influência e a orientação por parte dos profissionais da saúde.
De qualquer forma, abster-se ou não é uma decisão que se é voluntária, deve-se tomar consciência e colocar tudo, bom e ruim, em uma balança. Aprender a amar seu corpo é uma excelente ideia parater uma vida sexual saudável e segura. Se você decide não ter relações sexuais por outras razões, também deve estar convencido disso. Como você pode ver, em si, a abstinência não é boa ou ruim em si mesma, tudo depende da razão pela qual você a adota.
Para as pessoas que sofrem com baixa imunidade, uma boa notícia, um estudo da Universidade Wilkes, na Pensilvânia, mostrou que manter relações sexuais semanais pode ocasionar um aumento de 30% na produção de anticorpos contra gripe e resfriado; já aqueles que tem orgasmo pelos menos duas vezes na mesma semana, tem um aumento considerável da produção de endorfina (hormônio que combate a dor) atuando como um analgésico em seu organismo.
Entre outros aspectos, risco paraaborto também pode ser considerado como uma possibilidade diante de uma gravidez indesejada. Segundo Pirotta (2002), muitas gestações não desejadas são interrompidas mediante aborto clandestino. Por ser um procedimento desprovido de respaldo legal, muitas mulheres realizam em condições precárias, acarretando consequências diversas parasua vida. Entre elas, enfoque paraos riscos biológicos e psicológicos do procedimento, sobretudo, quando realizado em condições inadequadas.
A vulnerabilidade desta faixa etária é outra questão que faz com que ela necessite de um cuidado ainda mais amplo e sensível. Essa maior vulnerabilidade aos agravos, determinada pelo processo de crescimento e desenvolvimento, pelas características psicológicas peculiares dessa fase da vida e pelo contexto social em que está inserido, coloca adolescente na condição de maior suscetibilidade às mais diferente situações de risco, como gravidez precoce, doenças sexualmente transmissíveis (DST), acidentes, diversos tipos de violência, maus tratos, uso de drogas, evasão escolar, etc.
Qualquer mulher que imediatamente tenha passado pela adolescência e juventude confirmará que, ironicamente, quando eram jovens, magras sem rugas ou celulites, eram extremamente inseguras. Com a idade, mesmo se seus corpos não se enquadrem mais no padrão de beleza” promovido pelo Mercado, elas se tornam mais confortáveis em sua própria pele.
Imagine as noites incríveis de prazer que você vai ser capaz de ter com um pênis mais duro por horas a fio. Imagine a cara de surpresa dela quando vir tamanho de seu pênis duro com Xtra Size. Imagine a vida sexual que você sempre quis ter, com disposição, saúde e autoconfiança.
Talvez você imediatamente tenha ouvido algo do tipo: A Igreja Católica é careta e antiquada porque diz que sexo antes do casamento é pecado”. Bem, da próxima vez que ouvir isso, pense no que te escrevi agora. Porque eu sei que às vezes pode não ser muito útil dizer somente que é pecado” e pronto. E se você via a Igreja Católica apenas como castradora” e frustadora” de seus desejos sexuais, quem sabe agora não comece a vê-la com outros olhos? A Igreja apenas segue as instruções que Nosso Senhor Jesus Cristo a deixou, e não existe pessoa que queira mais seu bem e a sua felicidade do que Ele.
Entretanto, apesar do elevado conhecimento, depois da primeira relação sexual uso da camisinha cai. Passa de 61% para50% nas relações sexuais com parceiros casuais. Na avaliação da assessora técnica do Departamento de DST e Aids do Ministério da Saúde, Nara Vieira, os jovens de hoje nasceram na era da Aids, por isso a relação com preservativo é mais habitual. problema é que, quando se estabelece a confiança entre eles e relacionamento fica estável, uso do preservativo deixa de ser prioridade, em especial paraas meninas”, diz. Para ela, é preciso incentivar a negociação do uso do preservativo entre os parceiros. Muitos adolescentes ainda não estão dialogando de forma correta e nem pensando sobre a prevenção e suas implicações”, afirma.<img class='aligncenter' style='display: block;margin-left:auto;margin-right:auto;' src="http://brasil247.com/images/cache/490×280/crop/images
De fato, somos fisicamente aptos a ter relações sexuais desde a puberdade. Fisicamente apenas. Ocorre que não somos constituídos somente por um corpo. Até mesmo ateus e materialistas reconhecem a existência de capacidades e atributos psicológicos que, no mínimo, nos diferenciam dos outros animais. Reconhecem, também, tanto a existência quanto a importância e influência de fatores sociais na constituição desse psiquismo. Apenas isso bastaria paraque víssemos com certa cautela qualquer relação íntima pré-matrimonial. Acrescente-se, então, aspecto religioso nesse conjunto, ou seja, a alma feita ampere imagem e semelhança de Deus, e logo vemos que não podemos considerar ser humano senão como uma realidade complexa, ou pelo menos não tão simples assim.
Para a sexóloga Suplicy (1983), é no lar que ser humano deveria ter sua primeira educação sexual, uma criança falante e curiosa pode começar a mostrar interesse pelo sexo aos dois ou três anos, mesmo sem uso da palavra. A maioria fará com quatro ou cinco anos de idade. Nesta fase que a criança quer saber é muito pouco, não é preciso explicar detalhes, mas também não minta, não brigue, não desconverse, explique básico na linguagem que ela puder entender.

Advertisements

Impotência Sexual A Solução


Fundamentos E Características Gerais Sobre O Direito De Propriedade Romana E O Direito De Propriedade h2> Como Curar a Disfunção Erétil?

Sinônimos: impotência sexual
A disfunção erétil ou impotência é a constante incapacidade de alcançar ou manter uma
ereção suficientemente rígida paran uma relação sexual satisfatória.

Causas

Como conseguir uman ereção com os diversos orgãos e tecidos devem trabalhar em harmonia, há imensas situações que se relacionam com um ou mais dos participantes, e pode estar associada com a disfunção erétil.

Nem sempre os médicos não podem definir exatamente qual é o percentual do participação de cada estrutura dos envolvidos.

A impotência Sexual está associada com várias doenças e o tratamento das disfunções que envolvem, necessariamente, a descoberta por sua causa.

Causas da Disfunção Erétil são:

Doenças hormonais

  • Diabetes
  • A ausência de testosterona )
  • Os Problemas Endocrinológicos
  • Doenças vasculares que causam an obstrução das artérias e veias, este que dificulta chegada de sangue ao pénis (hipertensão arterial, aterosclerose)
  • O Consumo excessivo de drogas
  • Cirurgias pélvicas.
  • A doença do peyronie ou fibrose destes corpos cavernosos
  • O alcoolismo e o tabagismo

Estes fatores de risco
Todos estes conhecidos fatores de risco para doenças de coração, como ataque cardíaco e A.V.C são também fatores de perigo para disfunção erétil. São eles:

  • A Diabetes
  • A pressão arterial elevada
  • A dislipidemia (colesterol e triglicérides alterados)
  • Fumar
  • A obesidade
  • Estilo de vida sedentária.

Isso ocorre em conta necessidade de um grande aumento no fluxo do sangue para o pênis está ereto. Quando a circulação do órgão se vê comprometida por 1 destes fatores, a disfunção erétil pode vir an ocorrer.

Outros fatores os quais devem ser considerados são as situações de alto risco, de que afetam an auto-estima por um jovem macho, tais como o desemprego, as pensões, a crise financeira, uma morte na família, entre outros.

É importante ter em conta que só o envelhecimento não foi uma causa de disfunção erétil. Isso ocorre em conta necessidade de um gigante aumento no fluxo de sangue para o pênis está ereto.

Quando a circulação do órgão se vê comprometida por um destes fatores, a disfunção erétil pode ocorrer.

Outros fatores que devem ser considerados são as situações de alto risco, que afetam an auto-estima de algum homem, tais como o desemprego, as pensões, a crise financeira, uma morte na família, entre outros.

É importante ter em conta de que apenas o envelhecimento não é uma causa de disfunção erétil.

As Provas Incontestáveis

Os problemas da ereção pode vir an ocorrer a qualquer homem. Mas quando an ereção não é a mais adequada e isso se repete inúmeras vezes, vale a pena procurar ajuda médico.

Lembre-se que os fatores de perigo são semelhantes, e que a questão da circulação pelo pênis pode informar estes outros sistemas do corpo que não estão indo bem.

Porque Você Tem Disfunção Erétil

A impotência de atenção e este primeiro passo é o diagnóstico correto.

E, em seguida, tentou-se identificar os possíveis fatores de risco, tais como os acima mencionados. Por exemplo:

se não houver pressão arterial alta, precisa de ser tratada. Quando o problema é este controle da glicose no sangue, o médico irá aconselhar este tratamento.

O diagnóstico da disfunção erétil é eminentemente clínico, ou seja, o doutor esta conclusão por falar com o paciente.

O próximo passo é tratar o erro em si, e hoje existem diferentes medicamentos para sentir melhoramentos an ereção.

Eco-doppler de Pau

Quando os remédios orais não resolve, os médicos costumam enviar o paciente an um expert urologista.

Se vai aprofundar a pesquisa e a mão de outro recurso usado de modo a o diagnóstico da disfunção erétil: doppler-nos o prova é realizada por um medicamentos injetável no pênis e an ereção dá-se. O método é utilizado para medir o fluxo arterial, observar o comportamento da túnica que cobre os corpos cavernosos e paravaliar a resposta erétil obtidos.

O exame é feito no consultório do médico ou na clínica de radiologia e medicina tem efeito em 5 a 10 minutos.

O teste com injeção intracavernosa e este ultra-som Doppler é utilizado de modo avaliar a severidade da disfunção erétil e, ao mesmo tempo, permite ao urologista para pensar do terapias alternativas, como an auto-injeção ou implante por hammer (o famoso próteses).

A Solução da Disfunção Erétil

O tratamento da disfunção erétil começa com an identificação e controle de fatores de perigo.

Além de que o médico de hoje em dia são normalmente prescrever medicamentos orais são chamados inibidores da fosfodiesterase tipo 5. Sildenafil, vardenafil e tadalafil são estes mais conhecidos e utilizados.

Quando o medicamento oral que é especialmente utilizado na dose e da forma correta, não for resolvido, há outras modalidades terapêuticas que são considerados de “segunda linha”:

  • como uma bomba de vácuo
  • As injeções de vasodilatadores
  • Prótese
  • :

Um ponto muito importante e nem sempre é um valor que consiste em cuidar da relação.

Avaliar o casal e o matrimonio esta levando a cabo os seus problemas. Em alguns casos, e que merece o apoio do psicólogos ou outros especialistas para melhorar a relação do casal.

Remédios para Disfunção Erétil
Os Medicamentos mais utilizados de modo an o tratamento da disfunção erétil são:

Cialis
Viagra

Só Exclusivamente um especialista é possibilitado a

dizer-lhe qual o Remédios é o melhor para este seu caso, assim tais como a dose correta e a duração do terapia.

Sempre Siga rigorosamente as instruções do seu urologista
e NÃO tente curar sozinho uma disfunção erétil. nunca pare de tomar o medicamento sem se aconselhar 1o com o seu médico

Se você tomar muito mais de uma vez, ou em maior quantidade do que está prescrito para você, sigas instruções na bula.

Evite as provas em de que ocorre a comparação do desempenho com ou sem medicação Existem diferentes causas para disfunção erétil, o prognóstico é bastante variável. Hoje em dia sabemos que a grande maioria dos ancontecimentos difíceis para o procedimento incluem os diabéticos.

estes clientes submetidos a prostatectomia radical (cirurgia para o tratamento do câncer na próstata.

Que não respondem à terapia oral com ainda mais frequência. Mas também podem possibilitar ser cuidados com outros processos, de voltar à vida sexual ativa.

Expectativas

Hoje em dia existe um terapia de modo a qualquer teor de disfunção erétil. encontre um doutor e crie hábitos para que se tenha uma vida saudável.

Para desenvolver uma boa relação com o seu especialista e esclarecer em detalhes seu problema. Não seja tímido e tenha confiança nos cuidados do saúde.

Quando existe o compromisso do paciente, e é capaz de controlar os fatores do risco identificados, como no caso de um jovem macho:

  • Tabagista
  • Obesos
  • Sedentários

Emagrecer e parar de fumar, pelo âmbito da disfunção tende não só an estabilizar, mas pode vir a ser revertida.

Prevenção

Impedir a disfunção erétil preservando a boa circulação do sangue e de fato as orientações são muito semelhantes as dos especialistas em cardiologia:

  • Desenvolver hábitos de vida saudáveis
  • Controle o seu peso
  • Exercício em uma base regular.

Visite este seu urologista regularmente. Se você fuma, deixe de fazê-lo imediatamente

Até o próximo artigo!

First blog post

This is your very first post. Click the Edit link to modify or delete it, or start a new post. If you like, use this post to tell readers why you started this blog and what you plan to do with it. The cols theme looks better with longer posts, so we’ll fill this one out with some filler text. ‘I’ll fetch the executioner myself,’ said the King eagerly, and he hurried off.

Alice thought she might as well go back, and see how the game was going on, as she heard the Queen’s voice in the distance, screaming with passion. She had already heard her sentence three of the players to be executed for having missed their turns, and she did not like the look of things at all, as the game was in such confusion that she never knew whether it was her turn or not. So she went in search of her hedgehog.

The hedgehog was engaged in a fight with another hedgehog, which seemed to Alice an excellent opportunity for croqueting one of them with the other: the only difficulty was, that her flamingo was gone across to the other side of the garden, where Alice could see it trying in a helpless sort of way to fly up into a tree.

By the time she had caught the flamingo and brought it back, the fight was over, and both the hedgehogs were out of sight: ‘but it doesn’t matter much,’ thought Alice, ‘as all the arches are gone from this side of the ground.’ So she tucked it away under her arm, that it might not escape again, and went back for a little more conversation with her friend.

When she got back to the Cheshire Cat, she was surprised to find quite a large crowd collected round it: there was a dispute going on between the executioner, the King, and the Queen, who were all talking at once, while all the rest were quite silent, and looked very uncomfortable.

The moment Alice appeared, she was appealed to by all three to settle the question, and they repeated their arguments to her, though, as they all spoke at once, she found it very hard indeed to make out exactly what they said.

The executioner’s argument was, that you couldn’t cut off a head unless there was a body to cut it off from: that he had never had to do such a thing before, and he wasn’t going to begin at HIS time of life.